Os melhores vinhos especialmente para si - Entregamos na Europa⎮Ásia⎮Brasil

Chateau Margaux 2007 - Wine Broker Company

Chateau Margaux 2007

Preço normal
€679,00
Preço de saldo
€679,00
Envio calculado no check-out.
Quantidade deve ser 1 ou mais

🚚  Entrega garantida e com seguro em seu país {flag} {country}

 

📦 Compre hoje para receber até {shipping_date}

Região: Margaux, Bordeaux, França
Uvas: Merlot/Cabernet Franc/Cabernet Sauvignon/Petit Verdot
Garrafa: 750ml
Safra: 2007

RP: 92
WS: 88

Depois de performances desanimadoras na década de 1960 e 1970, o Château Margaux literalmente encontrava-se ressuscitado na década de 1980 e desde então tem produzido uma série de vinhos mais perto do perfeito. A nível de qualidade, esta propriedade tem estado equivalente nos últimos 20 anos, e no seu segundo vinho, Pavillon Rouge du Château Margaux, os seus méritos devem-se a atenção do consumidor.

Depois de um período angustiante de mediocridade na década de 1960 e 1970, quando em demasiados dos vinhos faltava riqueza, concentração e carácter foram produzidos sob a administração e financiado por Pierre e Bernard Ginestet (a crise internacional do petróleo, a queda de 1973 no mercado do vinho e 1974 provocaram a sua ruína), Margaux foi vendida em 1977 a André e Laura Mentzelopoulos. Generosas quantidades de dinheiro foram imediatamente gastos com as vinhas e as instalações de vinificação. Emile Peynaud foi contratada como consultora para supervisionar a vinificação do vinho. Apreensiva observa e espera a passagem de muitas colheitas antes que os novos compromissos financeira e espirituais para a excelência fossem exibidos nos vinhos de Margaux.

Tirou apenas uma colheita, 1978, para o mundo poder ver o quão grande Margaux poderia ser. Infelizmente, Andre Mentzelopoulos morreu antes de poder ver a completa transformação que tanto lutou num 1o Cru num vinho de consistência brilhante e de graça deslumbrante, com riqueza e complexidade. A sua elegante esposa, Laura, e mais recentemente a sua esclarecida, filha Corinne gerem os negócios. Eles estão cercados por um talento considerável- mais notável, Paul Pontallier. A aclamação imediata para o Margaux de 1978 tem sido seguido por uma sucessão de outros vinhos brilhantemente executados que são tão impressionantes, ricos e equilibrados que não é injusto sugerir que na década de 1980 não havia melhor vinho feito em todo o Bordéus do que o Margaux.

O estilo do vinho rejuvenescido em Margaux é uma opulenta riqueza, um profundo, multidimensional bouquet com uma fragrância de groselhas pretas maduras, baunilha carvalho picante e violetas. O vinho é agora consideravelmente mais cheio de cor, riqueza, corpo, e taninos do que os vinhos feitos na época pré-1977 regime Ginestet.

Margaux faz também um vinho branco seco. Pavillon Blanc du Château Margaux que é produzido inteiramente a partir de uma vinha de 29,6 hectares plantados exclusivamente com Sauvignon Blanc. Ele é fermentado em barris de carvalho e engarrafado depois de 10 meses de envelhecimento em casco. Trivia Buffs vai querer saber de que é feito um pequeno prédio, chamado Château Abel-Laurent, vários cem metros até a estrada a partir do magnífico Château de Margaux. É o melhor vinho branco do Médoc’s, fresco, frutado, sutilmente herbáceo, e carvalho.